Margem Sul: Parte 1 de 2

Bem-vindo à 1ª parte da descoberta da Margem Sul do Grand Canyon

À procura de uma viagem de verão que seja boa para toda a família? Um destino que seja empolgante, único, emocionante, espetacular e, acima de tudo, memorável?

Não procure mais do que o Grand Canyon! Um destino de verão para a família há décadas!


A Margem Sul do Grand Canyon é enorme, com uma abundância de informações para abordar. Portanto, este blog é a parte um de dois posts. Agora vamos começar.

A Margem Sul do Grand Canyon é o Parque Nacional designado, que foi criado em 1919. A cada ano, o Grand Canyon National Park recebe 5 milhões de visitantes de todo o mundo, e é considerada uma das sete maravilhas naturais do mundo. E por uma boa razão! O Grand Canyon é colossal, majestoso, espiritual, espetacular, e não há nada no mundo parecido com ele.

Com 445 quilômetros de comprimento, uma profundidade média de 1,5 quilômetros e uma largura média de 16 quilômetros, ver esta formação se alastrar de um mirante panorâmico não é suficiente para captar a grandeza e vastidão do canyon.


Como a Margem Sul é a localização do Grand Canyon National Park, ela é bem conservada e tem muitas conveniências modernas e atividades, como alojamento, camping, caminhadas, museus e lojas de presentes. Há uma fatura de espaços para estacionamento disponíveis ao entrar no Parque Nacional e calçadas pavimentadas que orientam os visitantes até os mirantes panorâmicos. Há ainda um serviço de transporte gratuito que leva os visitantes a uma variedade de mirantes panorâmicos a partir da pequena cidade de Tusayan. Não há nenhuma taxa para o serviço de transporte, já que ao entrar pelo portão do Parque Nacional tudo já está arranjado.

A Margem Sul é a parte mais popular do Grand Canyon, e os períodos mais movimentados do ano são julho e agosto e, novamente, entre o Natal e o Ano Novo. Além disso, as áreas mais populosas do Parque Nacional estão ao longo da Margem, onde o El Tovar Hotel e o Bright Angel Lodge estão localizados. No entanto, se você escolher o momento certo do ano (início dos meses de outono ou inverno) e não se importar de ir pelo caminho menos percorrido, você pode encontrar áreas do parque e pontos ao longo da margem que são muito tranquilos e tê-los só para você.


Os inúmeros mirantes panorâmicos são, naturalmente, os destaques da Margem Sul, mas há muitas outras atividades para participar, como aviões e vôos de helicóptero, passeios de jipe ​​e a cavalo. Os visitantes também podem percorrer o canyon em várias trilhas, ou até mesmo optar por uma viagem guiada de mula para dentro do canyon. Se você só tem tempo para explorar um mirante panorâmico, um dos pontos mais populares seria o Hermit's Rest, distante do ponto mais ocidental do Parque Nacional. Aqui, o canyon é estreito e profundo, e a vista do Rio Colorado e o pôr do sol é simplesmente espetacular. Há também uma loja de presentes no Heremit's Rest projetada por Mary Colter, que também projetou muitas das outras construções dentro do parque.


Se você visitar o Parque Nacional sem guia, temos os seguintes passeios aéreos disponíveis que oferecerão uma visão panorâmica dessa área majestosa. São eles:

“South Rim Airplane Tour” que sobrevoa uma grande área das margens centrais e orientais e dispõe de vistas panorâmicas do Zuni Corridor, do Imperial Point, da confluência dos Rios Colorado e Little Colorado, da Kaibab National Forest e do Kaibab Plateau.


Nós também oferecemos dois voos de helicóptero, sendo o primeiro o "North Canyon Tour" que sobrevoa a Kaibab National Forest e o Rio Colorado em direção à Margem Norte do Grand Canyon. Você verá a Tower of Ra e Vishnu Schist ao voar de volta pelo Dragon Corridor antes de pousar no heliporto.

O segundo passeio é chamado de “Imperial Tour”.Este passeio de helicóptero leva você à Margem Leste do canyon, e depois em direção à Margem Norte, voltando pelas regiões centrais do canyon. Você primeiro sobrevoará a Kaibab National Forest e à medida que o canyon se abre abaixo você verá também a confluência do Little Colorado onde as águas calcárias azuis deste afluente se mesclam com o verde escuro das águas do Rio Colorado. Sobrevoará também o Point Imperial, sobre a Margem Norte, voltando pelas regiões centrais do canyon, onde sua largura se expande em 17 quilômetros e sua profundidade em um quilômetro.

Com esses dois voos de helicóptero, você tem a opção de fazer um upgrade para os nossos luxuosos helicópteros EC130. Independentemente do helicóptero usado, o canyon é tremendamente espetacular.

Em relação ao o que levar com você, dentre os itens necessários inclua um protetor solar, mesmo no inverno. A Margem Sul tem quase 2.150 metros de altitude, por isso mesmo no inverno o sol é muito intenso. Além disso, traga bastante água, já que o Grand Canyon ainda é um ambiente desértico. Por último, mas não menos importante, traga sua câmera! Para a maioria dos que visitam o Grand Canyon, essa é uma experiência única, por isso tire muitas fotos para despertar suas memórias no futuro!

Isso conclui a primeira parte do nosso blog sobre o Grand Canyon National Park. Se você ainda tiver algumas perguntas gerais a serem respondidas, clique aqui! Fique atento à parte dois, em setembro!

Curta-nos no Facebook - www.facebook.com/Papillon

Siga-nos no Instagram - www.instagram.com/IFlyPapillon

Siga-nos no Twitter - www.twitter.com/IFlyPapillon

Siga-nos no Google Plus - www.plus.google.com/+IFlyPapillon

Assista e inscreva-se no nosso canal no YouTube - www.youtube.com/user/IFlyPapillon